Artigos
Categoria: amor

20 Abril — amor + gastronomia
Bolo de castanha e a contramão do minimalismo na construção do lar

por

Enquanto uma casa meramente prática não abriga recordações e não dá teto para o movimento autobiográfico, o projeto de um ambiente mais inclusivo encontra o belo no simples e, consequentemente, coloca o lar no lugar do aconchego. A receita do bolo de castanha-de-caju foi um presente da Creuza, sogra do meu irmão, para a minha mãe e, como os objetos de casa, pode nutrir os dias de boas histórias.

3 min

Renascer

por

Como uma mãe recém parida de um parto normal sem anestesia (por escolha, por protagonismo e por natureza), ressignifiquei tudo em mim. Parir dói, dói muito, mas existe uma beleza que vai além do rito ou do simbolismo da chegada de alguém ao mundo.

2 min

Algo emprestado e algo azul: o potencial dos armários compartilhados para a sustentabilidade na moda

por

Uma tradição nascida na Inglaterra, ainda na época Vitoriana, afirma que a noiva precisa usar “algo velho, algo novo, algo emprestado e algo azul” durante a cerimônia. Orgulhar-se das heranças de família e compartilhar memórias com amigos talvez seja a maneira mais singela de combater os excessos do consumismo.

3 min

23 Março — amor + gastronomia
Bolo gelado de coco e o resgate do afeto

por

Ainda que na França a sopa de cebola seja um dos pratos mais tradicionais, lá em casa o bolo gelado de coco, preparado por toda uma vida pela minha mãe, simboliza, aqui, o resgate do afeto que celebramos hoje.

3 min

21 Março — amor
Como casar sem a necessidade de tocar a Marcha Nupcial

por

Se você quer um casamento diferentão desde a escolha das músicas, é isso que você vai ter! Fiz uma seleção super especial de 40 músicas para quem quer fugir das cerimônias tradicionais desde o repertório da celebração. Confira!

1 min

14 Março — amor + vida contemporânea
Aniversário de Morte: a presença da falta não perdoa

por

Acho que não existe expressão mais sacana que essa: aniversário de morte. E claro que você não perderia o ensejo de fazer piada com isso. Dia 20 de março celebramos a sua vida, para no dia seguinte lamentar o dia que você decidiu zarpar. Um intervalo de 77 anos dos quais eu aproveitei tão poucos.

3 min

2 Março — amor + arte & cultura
O virar das esquinas das estantes de uma biblioteca.

por

Esqueça todo o resto: concentre-se naquele lugar em que há fileiras e fileiras e mais fileiras ainda de estantes e você vai virando suas esquinas, deixando os olhos correrem as lombadas enfileiradas, perguntando-se qual livro entre todos aqueles será o próximo a transportar você a uma outra realidade.

4 min

27 Fevereiro — amor
Se amar fosse proibido

por

Acaba o amor acaba Vinícus, acaba Tom, Chico, acaba Cartola, Carlos, Guimarães, verso, prosa, romance, acaba melodia, letra, música. Acaba Cinderela, Bela Adormecida, o príncipe, acaba até conto de fada. Acaba amor, adeus, dor de amor. Mundo sem amor, meu Deus, é mundo sem azul. Pois o amor colore e colore até de vermelho.

1 min

23 Fevereiro — amor + vida contemporânea
A mulher selvagem no contexto urbano-urgente

por

A maternidade foi e é uma chance de começar tudo de novo. Uma chance de oferecer tudo de si, se partir em duas (ou milhões) e continuar inteira. É ter esperança no mundo e ter, realmente, a chance de construir um presente e um futuro cheios de empatia, de segurança, de confiança, de beleza.

6 min

19 Fevereiro — amor + arte & cultura + cidades
Carnaval: um movimento de existência e resistência

por

Cleu Oliver, o menino mais barra/barra que conhecemos, diretor de whatever na Perestroika e mais um tantão de coisas, compartilha com a gente a sua vivência no carnaval de rua e de luta de Belo Horizonte. É aquele balanção cheio de glitter e verdades que a gente respeita. Leia o texto de estreia dele no time de colunistas do GUAJA! Tem Catuaba, purpurina, Chapolim, Fora Temer, Bicicletinha, Ladeira Abaixo, Tico Tico, Angola, Barro Preto, Peixoto, Manjericão… Só lê.

8 min

Saiba antes de todo mundo sobre novos artigos, cursos e mais: assine nossa newsletter quinzenal—é grátis!

×