Artigos
Categoria: cidades

9 Fevereiro — cidades
Conheça a trajetória do Carnaval de Belo Horizonte por Rafa Barros

por

Origens, transformações e novos rumos da folia em Belo Horizonte: o Carnaval é uma festa que “refloresceu” a partir da contestação política e hoje é uma das maiores do país — quem diria. Pescamos alguns trechos para entender ou mesmo se identificar com o movimento. Confira!

4 min

2 Fevereiro — cidades
Invadi meu próprio deserto

por

De dentro do ônibus, eu a vi ajeitar o lenço que cobria seus cabelos e quase todo o rosto. Muito bonito, por sinal. Desconhecia essa independência que a beleza pratica no Oriente Médio. Tomei nota: beleza e relatividade de mãos dadas a partir de agora.

2 min

1 Fevereiro — cidades + vida contemporânea
Gustavo Mayran, vetado pelo nome no papel

por

“É sempre isso. A vaga magicamente some ou de repente não estão mais contratando. Qualificações, diploma, experiência. Sorte. E fé. Enquanto isso, o aluguel tá vindo, as contas vão juntando. Tudo por um nome, um traço, um pedaço de papel. Tudo é papel. E a gente é o quê, não é gente não?”

2 min

31 Janeiro — cidades + design + trabalho
Valorização da produção autoral: conheça mais do GUAJA Pop-Up no Shopping Cidade

por

Hoje, mais um passo foi dado na história do GUAJA e na forma como nos relacionamos com Belo Horizonte: inauguramos uma unidade temporária no Shopping Cidade, o shopping que tem maior trânsito de pessoas na cidade. Além do modelo completo de café-coworking, criamos instalações interativas e levamos ao Centro da capital produtos da rosaguaja — nossa curadoria de produtos criados por jovens designers locais.

3 min

30 Janeiro — cidades + trabalho
GUAJA no Shopping Cidade: conheça nosso novo pop-up!

por

O rizoma do GUAJA cresceu e nosso novo endereço é o grande ponto de convergência do centro de Belo Horizonte: o Shopping Cidade. Reunindo a experiência do café-coworking já consolidada na própria sede do GUAJA, na avenida Afonso Pena, com instalações interativas e um novo ponto de valorização do design local, o novo espaço tem tudo para se tornar seu novo lugar de trabalho e encontro preferido no centro da cidade.

3 min

Onde você vai morar em 2050?

por

“Bem vindo ao ano de 2050. Bem vindo à minha cidade, ou eu devo dizer, à nossa cidade? Eu não possuo nada. Eu não tenho carro, não tenho casa, não tenho nenhum utensílio, roupa ou sequer privacidade. E viver nunca foi tão bom.” Num mundo onde a experiência supera a posse e o consumismo, como será a cidade do futuro?

10 min

26 Janeiro — arquitetura + cidades
Pisos guardiões de histórias: bairro Lagoinha

por

Fora dos limites planejados para BH, o bairro Lagoinha foi formado principalmente por imigrantes italianos, que vieram para trabalhar na construção da nova capital de Minas Gerais, no final do século XIX e início do XX. No “cantinho da velha Itália”, operários ergueram suas casas.

3 min

24 Janeiro — amor + cidades
Guia GUAJA do Carnaval 2018 de Belo Horizonte!

por

O guia definitivo do Carnaval belorizontino de 2018 está aqui. Roteiro de blocos, programação do aquecimento, dicas pra garantir o look, informações indispensáveis: vem ver!

42 min

A luz que entra pela janela I

por

Quem acordou pela manhã e ficou a observar o cômodo onde estava? Notou aquele raio de luz a entrar pela cortina entreaberta do quarto? A cor da luz, as texturas e cores dos materiais revelados em comparação ao que não estava sob ele? É impossível não admirar e não se inspirar com estes fenômenos — esses pequenos e simples momentos nutrem a nossa alma, nos conectam com a natureza e a nossa essência. Assim como é impossível dissociar a experiência do espaço da experiência da luz.

10 min

23 Janeiro — arquitetura + cidades
Nunca demolir, reconhecer a cidade, projetar infraestruturas, assumir novos papéis

por

Uma das maiores contradições do mercado imobiliário pode ser visualizada pela metáfora do arquiteto-equilibrista: por um lado, o edifício deve sempre trazer aparentes novidades; por outro, deve construir uma imagem reconhecível. Em aparente oposição a essa cultura do novo, há uma busca pela repetição de padrões. Quais são os novos papéis nesse caso?

8 min

Fique sempre atualizado sobre o GUAJA, assine nossa newsletter quinzenal—é grátis:

×