Uma capital em três tempos

 Foto Renato Weil/A Casa Nomade. 2018. Cidade do Mexico.

Receba artigos sobre cultura semanalmente em sua caixa de entrada!

×

“Em agosto de 1521, Tenochtitlán se rende aos espanhóis, comandados por Hernán Cortés. Não foi triunfo, nem derrota, mas o nascimento doloroso do povo mestiço que é o México de hoje.” Essa frase, atualmente estampada na Praça das Três Culturas, resume bem a essência da Cidade do México, uma capital ricamente formada pela fusão de três momentos históricos diferentes. As raízes da cidade remetem às civilizações indígenas que começaram a povoar as margens do Lago Texcoco por volta de 200 a.C.. Tenochtitlanes, teotihuacanes, mexicas, astecas e toltecas fundaram um império cuja influência se estendia até a Guatemala e El Salvador e, em seu apogeu, reunia 1,5 milhão de habitantes.

O segundo capítulo dessa história começa a ser escrito em 1519, quando o espanhol Hernán Cortés chega ao Golfo do México com 11 navios, 550 homens e 16 cavalos. Pensando que cavalo e cavaleiro eram um único e assustador animal e crendo nas lendas e superstições do calendário asteca (que previa que o deus-rei tolteca Quetzalcóatl voltaria de seu exílio em outros mundos em 1519), os moradores locais deram 20 mulheres virgens de presente a Cortés e o receberam no palácio do Imperador Moctezuma com ouro, pedras preciosas e penas exóticas. Mas ao perceber as reais intenções do colonizador espanhol, os ânimos se acirraram e os europeus começaram a matança de índios. Um fator foi decisivo para o sucesso da missão espanhola: ao avançar para o interior do continente, Cortés ganhou como aliado os inimigos de longa data dos astecas (tribo dominante na época). Com isso, quando os pouco mais de 500 espanhóis chegaram ao Vale Central do México, em 1521, eles estavam acompanhados de mais de 100 mil soldados nativos.

Do embate entre civilizações indígenas e espanholas, surge o terceiro capítulo da história do país: o “doloroso nascimento do povo mestiço que é o México de hoje”. E um passeio pela Cidade do México é mergulhar nos três tempos desta cultura. Em sua praça central, conhecida como Zócalo, estão as ruínas do Templo Mayor, prédio sagrado de Tenochtitlán; a Catedral Metropolitana, erguida pelos espanhóis em 1573; e o Palácio Nacional, com impressionantes murais do pintor Diego Rivera, nos quais a sua esposa e musa Frida Kahlo aparece como personagem. No Museu Nacional de Antropologia (na nossa opinião, o melhor museu da América Latina), os três tempos da história mexicana voltam a se entrelaçar. Na Plaza Garibaldi, os mariachis (típicos músicos mexicanos) vestem suas roupas inspiradas nos toureiros espanhóis e entoam canções tristes e românticas – um dos refrões mais chorosos diz: “outra vez, essa maldita felicidade” –, enquanto dançarinos astecas tocam seus tambores.

Em todos os cantos da cidade, o México indígena, espanhol e mestiço se encontram! E, na gastronomia, não poderia ser diferente. Sabores pré-hispânicos estão presentes em iguarias, como jusanos de agave (larvas de cactus), escamoles (larvas de formiga), chapulines (gafanhotos sem vísceras, secos e fritos) e huitlacoches (fungos do milho preto); a tradicional culinária europeia mantém seu charme e divide espaço com a sofisticada cozinha contemporânea que floresce no México. Outra vez, uma viagem em três tempos.

Autor
Glória Tupinambás é repórter e colunista de Viagem e Turismo da Rádio CBN, já viajou por 59 países dos cinco continentes com seu marido, o fotógrafo Renato Weil. Juntos, publicaram dois livros sobre viagens: O Mundo em Minas e A Casa Nômade pelo Mundo. Hoje, estão em uma expedição pelos extremos da América, do Ushuaia ao Alasca, a bordo do motorhome A Casa Nômade.

Share the love.

Se este artigo te fez lembrar de alguém, mostra pra elx!

Para comentar você deve ter uma conta—só leva um minuto:

fazer login ou registrar-se
Você vai gostar

GoFree. A nova experiência em eventos.

Parceira GUAJA e incentivadora do Além do Rolê. Crie eventos e garanta ingressos online. CONHEÇA!

procurando um serviço de impressão?

a Futura Express também está no GUAJA! Nossos novos parceiros oferecem entrega grátis todos os dias no GUAJA. conhecer a Futura Express