Autor
Flávia Ayer

Jornalista e celebrante de casamentos na Amor Sempre Vivo. Acredito em três verdades absolutas: pessoas precisam ser ouvidas, histórias precisam ser contadas e a razão para nossa existência está em amar e ser amado. É por isso me tornei mais do que jornalista, uma jornalista que conta histórias de amor. Tive clareza desse propósito quando eu e Pedro celebramos nosso próprio casamento. Depois daí não parei mais. Aqui, a repórter dá vazão a tudo aquilo que faz o coração pulsar e mantém o amor sempre vivo.

artigos de Flávia Ayer

5 Fevereiro — amor
Amor não basta para ser feliz a dois

por

Estes dois aí da foto são o casal de australianos Rick e Viv, uma simpatia só. Cabelos brancos, joelhos enferrujados pelo tempo, sorriso no rosto. Tivemos desses encontros improváveis, no meio da Cordilheira dos Andes, poucos dias antes de voltar ao Brasil para celebrar o último casamento do ano. Precisei mudar o texto do casório por causa da nossa conversa, que ainda ressoa.

2 min

2 Janeiro — amor
Sobre a complexidade de “ser você mesmo”

por

“Por que se casar com esta pessoa?” Tenho ficado particularmente intrigada com a resposta que mais escuto dos casais para essa pergunta. Nove em cada dez deles respondem que o determinante é porque, com seu par, podem ser quem realmente são. O amor se revela, portanto, como a possibilidade de ser você mesmo, genuíno, sem filtros.

2 min

4 dezembro — amor
Celebrei meu próprio casamento e me tornei uma “padra”

por

Eu era o tipo de garota que não dava importância para casamento. Nunca acreditei em príncipe, achava que não me encaixava no protocolo da igreja e me sentia deslocada quando, vez ou outra, tentava me imaginar de véu e grinalda. Até o dia em que celebrei o meu próprio casamento.

2 min

cursos de Flávia Ayer

Fique sempre atualizado sobre o GUAJA, assine nossa newsletter quinzenal—é grátis:

×