Uma vida pra chamar de sua

 

Receba artigos sobre futuro semanalmente em sua caixa de entrada!

×

Termina o dia. Na verdade, ele ainda não acabou, mas você chega em casa “acabado” para o restante dele, sem energia. Você bem que tinha programado um cinema ou um happy hour, mas está esgotado, estressado, sem motivação para nada.

Você entra em alguma rede social e vê os amigos compartilhando algo interessante, um hobby, por exemplo, e você se lembra da aula de percussão que queria fazer, aí uma voz interna, fala: “amanhã, olho sem falta”, esse dia nunca chega.

Muitos dizem que é falta de tempo, inclusive o autor deste artigo era um desses. Quantas vezes você já ouviu a frase “o dia tinha que ter mais horas, falta tempo para fazer tudo”. Mas o que acontece na prática é que não conseguimos priorizar o que é importante para nós, colocamos a culpa no tempo. Lembramos até aquele personagem o Homer Simpsons e sua frase emblemática, “a culpa minha e eu coloco em que eu quiser”.

Alguns até conseguem começar, mas quando vê estão pagando o inglês, a academia e não frequentam ou vão quando sobra tempo. E aquela meta de leitura de 2 livros por mês? E aquele negócio online? Por que não conseguimos? O que acontece?

James Clear, no seu best seller, “Atomic Habits – tiny changes, remarkable results”, demonstra o quanto o nosso sistema (ambientes, pessoas, tecnologia e tudo que está ao nosso redor) influencia nas nossas escolhas e, consequentemente, na nossa qualidade de vida. Recebemos ao longo do dia diversos estímulos e respondemos de forma automática a eles, sem parar para pensar a relevância daquilo para o nosso bem-estar e para os nossos objetivos de vida.

“Objetivos de vida? Sim claro, no fim de semana olho isso, agora não tenho tempo”. Alguém pode pensar. E esse fim de semana não chega. Não temos claro os objetivos, para onde vamos, qualquer rotina serve, parafraseando o diálogo de Alice com o Gato no filme “Alice no país das Maravilhas”.

Assim os dias, meses vão passando… até a esperança ser renovada no final do ano com o ritual das promessas. A rotina atual atropela as novas iniciativas e os dias vão quase sempre acabar antes de terminar, igual ao que mencionamos no início do texto, caso não mudarmos nosso sistema e priorizarmos uma vida para chamar de nossa.

Como alcançar objetivos com mais facilidade? Como melhorar sua performance, seja na vida pessoal ou profissional? Em junho, temos um encontro no curso Growth, para aprender técnicas de desenvolvimento na busca por melhores resultados. Vem saber mais e se inscrever aqui!

Autor
Atua na gestão empresarial há 20 anos, liderou projetos de planejamento estratégico, inovação, gestão de pessoas e reestruturação organizacional e de processos em organizações de diversos setores, segmentos e portes no Brasil (Petrobras, LATAM, Nacional Gás, TGM Turbinas, FIEMG, GASMIG, etc.). Assistente de Joseph O’ Connor, um dos maiores treinadores do mundo de coaching e pnl. Facilitador licenciado por Happy Melly para ministrar workshops de management 3.0 e certificado pela Associação Master Trainers Lego Serious Play. Engenheiro Civil pela UFMG, MBA Executivo em Finanças pelo IBMEC e especialista em Engenharia Econômica pela Fundação Dom Cabral. Mauro é mentor de startups na Techmall e CEO da youber, empresa que acelera o desenvolvimento de pessoas e negócios através de workshops, treinamentos e palestras nas áreas de liderança, inovação, transformação e estratégia.

Share the love.

Se este artigo te fez lembrar de alguém, mostra pra elx!

Para comentar você deve ter uma conta—só leva um minuto:

fazer login ou registrar-se

GUAJA

Growth